Skip to Content

Ambientalistas e movimentos sociais pressionam Dilma para veto ao Código Florestal

  • user warning: Table 'ranp3.scheduler' doesn't exist query: SELECT * FROM scheduler WHERE nid = 10749 in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/scheduler/scheduler.module on line 497.
  • warning: Parameter 2 to genericplayers_swftools_flashvars() expected to be a reference, value given in /data_cpro6462/ranp/public_html/includes/module.inc on line 476.
  • strict warning: Non-static method view::load() should not be called statically in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/views.module on line 906.
  • strict warning: Declaration of views_handler_argument::init() should be compatible with views_handler::init(&$view, $options) in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/handlers/views_handler_argument.inc on line 744.
  • strict warning: Declaration of views_plugin_row::options_validate() should be compatible with views_plugin::options_validate(&$form, &$form_state) in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_row.inc on line 134.
  • strict warning: Declaration of views_plugin_row::options_submit() should be compatible with views_plugin::options_submit(&$form, &$form_state) in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_row.inc on line 134.

Ruralistas apoiam o projeto aprovado no Congresso, que concede anistia aos desmatadores, diminui as reservas legais e tira a obrigatoriedade de recompor matas nas áreas de preservação permanente. Uma campanha com o slogan “Veta, Dilma” é feita por ambientalistas e movimentos sociais.

Está faltando algum conteúdo do Flash que deveria aparecer aqui. Talvez seu navegador não possa exibi-lo. Instale a última versão do Flash em seu computador, ou atualize sua versão.

(1’50” / 431 Kb) - A aprovação do Novo Código Florestal pelo Congresso e a sanção ao texto pela presidenta Dilma Rousseff geram polêmica na sociedade. Ruralistas apoiam o projeto aprovado no Congresso, que concede anistia aos desmatadores, diminui as reservas legais e tira a obrigatoriedade de recompor matas nas áreas de preservação permanente. Uma campanha com o slogan “Veta, Dilma” é feita por ambientalistas e movimentos sociais contra o Novo Código.

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou, no último dia 25 de abril, por 274 votos a 174 o Novo Código Florestal, sem as mudanças feitas a pedido do governo na versão aprovada no Senado.

Segundo o integrante da coordenação nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Alexandre Conceição, o Novo Código precisa ser vetado integralmente pela presidenta.

“Se a Dilma não veta o Código, significa que ela está entregando de bandeja os recursos naturais, abandonando a reforma agrária e abandonando um projeto de soberania nacional. E segundo, porque esse Código não é do povo brasileiro, é dos ruralistas. Por isso que nós estamos lutando, fazendo mobilizações e pedindo para a presidenta Dilma que o veto seja total. E chamar a sociedade para construir um novo Código que leve em consideração as populações ribeirinhas, o semi-árido, a Amazônia; que leve em consideração o povo brasileiro e o meio ambiente”.

Ele também afirma que será um fiasco a participação do governo brasileiro na Rio+20, marcada para junho, caso não seja vetado o Novo Código.

Na campanha “Veta, Dilma”, ambientalistas mostram que, se aprovado o Código dos ruralistas, 47 milhões de campos de futebol de florestas serão perdidos.

De São Paulo, da Radioagência NP, Vivian Fernandes.

03/05/12