Skip to Content

MST ocupa fazenda flagrada com trabalhadores em regime de escravidão

  • user warning: Table 'ranp3.scheduler' doesn't exist query: SELECT * FROM scheduler WHERE nid = 11915 in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/scheduler/scheduler.module on line 497.
  • warning: Parameter 2 to genericplayers_swftools_flashvars() expected to be a reference, value given in /data_cpro6462/ranp/public_html/includes/module.inc on line 476.
  • strict warning: Non-static method view::load() should not be called statically in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/views.module on line 906.
  • strict warning: Declaration of views_handler_argument::init() should be compatible with views_handler::init(&$view, $options) in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/handlers/views_handler_argument.inc on line 744.
  • strict warning: Declaration of views_plugin_row::options_validate() should be compatible with views_plugin::options_validate(&$form, &$form_state) in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_row.inc on line 134.
  • strict warning: Declaration of views_plugin_row::options_submit() should be compatible with views_plugin::options_submit(&$form, &$form_state) in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_row.inc on line 134.

Com cerca de 100 famílias, a ocupação acontece uma semana após a condenação de três pistoleiros pela Chacina de Unaí. Fazendeiro de Campanha (MG) tem vasto histórico de notificações do Ministério do Trabalho.

Está faltando algum conteúdo do Flash que deveria aparecer aqui. Talvez seu navegador não possa exibi-lo. Instale a última versão do Flash em seu computador, ou atualize sua versão.

(1’25” / 336 Kb) - O MST ocupou na manhã desta quarta-feira (4), no Sul de Minas, uma das sete fazendas de Paulo Alves Lima, acusado de manter trabalhadores em regime de escravidão. Com cerca de 100 famílias, a ocupação acontece uma semana após a condenação de três pistoleiros acusados pela Chacina de Unaí, e nas vésperas do julgamento dos mandantes daquele episódio, o ex-prefeito de Unaí Antério Mânica e seu irmão Norberto Mânica.

Assim como no caso de Unaí, o fazendeiro de Campanha, no Sul de Minas, tem vasto histórico de notificações do Ministério do Trabalho (MTE), o que não lhe impediu de manter este ano pelo menos quatro trabalhadores em regime de escravidão, libertados pela Polícia Militar no mês passado.

Para Silvio Netto, da coordenação do MST, a ocupação tem um sentido simbólico de luta contra a impunidade. “Em Minas temos um passivo social muito grande no campo, com duas chacinas realizadas em 2004 que somente agora estão sendo julgadas, que são a de Felisburgo e a de Unaí, e não vamos deixar ter mais impunidade em Minas Gerais”, afirma Netto.

A chamada PEC do Trabalho Escravo (PEC 57A/1999) foi recentemente aprovada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, mas continua sem data de votação no Plenário. Ela permite a expropriação de terras onde forem encontrados trabalhadores em regime de escravidão.

De São Paulo, da Radioagência NP, com informações da Página do MST, Daniele Silveira dos Santos.

05/09/13